Araripina-Polícia prende casal que filmava abuso a filha de 5 anos

 Araripina-Polícia prende casal que filmava abuso a filha de 5 anos

Um casal foi preso, na manhã deste domingo (11/4), por estupro de vulnerável e produção e produção e difusão de pornografia infantil, em Araripina, cidade do sertão pernambucano. A vítima era a filha deles, de apenas cinco anos. A suspeita é que, desde agosto de 2020, o pai produzia vídeos e fotos de abusos sexuais da criança e postava o material para terceiros na chamada deepweb.  As informações são do Correio Braziliense em Meio Norte.

Polícia Federal cumpriu dois mandados de prisão temporária contra os genitores, além de três de busca e apreensão nos municípios de Araripina e Caldeirão Grande do Piauí, no Piauí. Os detidos foram autuados e conduzidos à sede da Polícia Federal, em Salgueiro (PE), onde serão interrogados. O Conselho Tutelar de Araripina acompanhou a operação e obteve guarda temporária da vítima.

(crédito: Polícia Federal/divulgação)

De acordo com o delegado regional de combate ao crime organizado da PF em Pernambuco, Alexandre Alves, a ação fez parte da Operação. 

A operação foi possível a partir de uma força-tarefa, composta por policiais federais e civis, treinada para acessar o banco mundial de combate à pedofilia, mantida por autoridades de investigação de 61 países e pela EUROPOL. O Brasil tem acesso à rede desde 2009 e é adepto da resolução 08 da Assembleia Geral da Interpol, de 2011, que institui parâmetros de proteção à vítima para conduzir e armazenar materiais referentes a investigações de abusos sexuais infanto-juvenis.

Digiqole ad

Matérias relacionadas